Ladrão é descoberto após iPhone roubado começar a tocar dentro de seu sapato

Harold Penn-Timity foi confrontado pela vítima e seus amigos, junto com um policial que estava de folga, e pensou que poderia escapar.

Um estudante que negou roubar um iPhone 5 acabou sendo incriminado depois que o dispositivo desaparecido começou a tocar dentro de seu sapato.

Harold Penn-Timity foi confrontado pela vítima e seus amigos, junto com um policial que estava de folga, e pensou que poderia escapar.

Mas ele não esperava que alguém fosse ligar para o telefone bem no momento, e o som da chamada pôde ser ouvido por todos, saindo de seus sapatos.

O rapaz de 25 anos acabou sendo preso. Ele foi culpado de uma única acusação de roubo. O juiz Peter Wrightdeu a Penn-Timity uma ordem de 12 meses de trabalho comunitário, e disse que ele deve realizar 80 horas de trabalho não remunerado.

Fonte: Gadoo