Líder de torcida gay do Corinthians é espancado durante assalto

"Me jogaram no chão, chutaram minha cabeça para levar meu iPhone", contou Felipeh

O jornalista Felipeh Campos, idealizador da primeira torcida organizada gay do Corinthians, a Gaivotas Fiéis, foi agredido e roubado na noite da última quarta-feira enquanto deixava o supermercado Extra na Avenida Brigadeiro Luís Antônio, em São Paulo. Ele relatou o ocorrido por meio de seus perfis em redes sociais como Instagram e Facebook, e publicou fotos de ferimentos na cabeça.


L冝er de torcida gay do Corinthians  espancado durante assalto

"É impressionante! Estava eu saindo do Extra Brigadeiro quando fui surpreendido por dois caras armados com 38, e detalhe, saindo do estacionamento. Disseram assim: "passe o iPhone". Oi? Os assaltantes têm escolhas pelo aparelho, como assim? Tentei lutar com eles na porta do supermercado e nada aconteceu... Conclusão, eles levaram meu aparelho", escreveu o jornalista.

"Me jogaram no chão, chutaram minha cabeça para levar meu iPhone", contou Felipeh, que já registrou Boletim de Ocorrência e fez exame de corpo de delito.

Fonte: Terra