Mãe acusa policial de agredir seu filho preso por roubo no Piauí

O caso aconetceu na cidade de Picos, Sul do Piauí.

Uma mulher identificada penas como Marilene Alaíde Santos procurou um site de Picos, a cerca de 310 km de Teresina, para denunciar que policiais da cidade estariam agredindo seu filho, Maurício Santos, o ‘Babalu’, que foi preso acusado de roubo. O jovem foi flagrado vendendo produtos roubados e na delegacia, segundo ela, teria sido espancado.

 Maurício Santos, o ‘Babalu’
Maurício Santos, o ‘Babalu’

“Maurício estava na ‘feira do troca’ vendendo um roubo quando os policiais chegaram disfarçados, não estavam vestidos de farda, e prenderam ele. Bateram muito e deram uma coronhada na cabeça (sic)”, questionou ainda bastante nervosa. “Eu acho que não é justo. Se ele errou, tem o direito de prender, mas não de espancar. Nunca acreditei que um dia pudesse pegar no sangue de um filho meu em minhas mãos”, acrescenta.

O delegado regional Divanilson Sena nega  que o jovem tenha sido agredido. “O policial civil Marcelo, que também é proprietário dessa construção, saiu em diligência no Centro de Picos. E na ‘feira do troca’, próximo à Câmara de Vereadores, ele localizou três indivíduos vendendo material da obra, então ele deu voz de prisão. Dois conseguiram fugir e o Maurício Santos, o ‘Babalu’, que estava de posse dos objetos dentro de uma sacola, ele conseguiu agarrar”, relata.

Ainda segundo o delegado, o policial reagiu a uma atitude violenta do acusado. “Maurício tentou reagir chutando o policial, que utilizando de meios moderados, conseguiu derrubá-lo ao chão e o conduziu até a delegacia”, explicou.






Fonte: Portal Meio Norte/Fotos: GrandePicos