Mãe de bebê abandonado foi jogada em rio com mãos e pés amarrados

Bebê abandonada por homem foi encontrada em Joinville

 A Polícia Civil informou que a mãe do bebê que foi abandonado em Joinville, no Norte de Santa Catarina, foi jogando em um rio com os pés e mãos amarrados em Rio Negrinho. A mulher recebeu alta nesta segunda-feira (14), e relatou a polícia que foi ferida a marteladas pelo pai da menina, um empresário de 44 anos. Ele também é suspeito de deixar a criança embaixo de uma marquise. O homem está foragido, informou a Polícia Civil.

A criança foi encontrada na manhã em frente a uma loja de sábado (12). Câmeras de segurança mostraram o momento em que um homem, de carro, abandona o bebê na sexta (11). Segundo o Conselho Tutelar, a menina está nos cuidados de uma família acolhedora.

A mãe do bebê é paraguaia e tem 22 anos. Ela estava internada em um hospital em Rio Negrinho desde a manhã de sábado (12). Conforme o relato da vítima à Polícia Civil, ela e o suspeito de abandonar o bebê tiveram um relacionamento em 2015.

A Polícia Civil acredita que ele tenha tentado matar a jovem e abandonado o bebê para impedir a família soubesse da existência da criança.

“No intuito de reatar com a ex-esposa, ele premeditou. A estrada onde ela foi encontrada é muito isolada e é provável que ele já tivesse ido ao local. Ele também pediu que ela não contasse ninguém que iam viajar”, diz o delegado.

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do G1