Mãe de feirante morto desabafa: "Essa dor não vai passar nunca"

A briga teria sido motivada por divisão de drogas

“Essa dor que ele tá fazendo eu passar, o assassino, não vai passar nunca”, desabafa a mãe  do feirante morto pelo amigo em uma briga por droga em Salvador.

Durante o enterro de Valfredo Conceição Rocha, 34 anos, a mãe da vítima ficou revoltada com a crueldade do crime, que aconteceu no bairro de Ilha Amarela, subúrbio de Salvador.  

" O assassino está preso... E entregar o resto a Deus. Só Deus pra tomar conta dele."

O técnico em refrigeração Alexandro Santos de Carvalho, de 21 anos, matou o vizinho com golpes de enxada durante uma discussão por cocaína. Segundo a polícia, o suspeito teria confessado que cometeu o crime, mas alegou legítima defesa.

a briga teria sido motivada por divisão de drogas (Crédito: Reprodução)
a briga teria sido motivada por divisão de drogas (Crédito: Reprodução)


Segundo Alexandro, ele e a vítima estavam bebendo cerveja e consumindo a droga em um imóvel abandonado, quando o feirante reclamou que o técnico estaria cheirando mais cocaína que ele. Nesse momento, Valfredo teria partido para a agressão, desferindo vários socos contra Alexandro que, para se defender, pegou a enxada que estava próxima e desferiu os golpes no amigo.

Após o crime, Alexandre teria enrolado o corpo da vítima em um tapete e abandonado no meio da rua, na madrugada.

Fonte: Com informações do R7