Mãe de suspeito de assassinato é espancada por família da vítima

Família da vítima, que teria sido morta por engano agrediu mulher

A mãe de um suspeito de homicídio foi espancada no meio da rua no sul de Minas Gerais. A família da vítima, que teria sido morta por engano, se uniu para agredir a mulher e fazer justiça com as próprias mãos.


Image title

Além da mãe, a tia de Wendel da Silva Alves, de 18 anos, também foi agredida por várias pessoas com chutes, socos e até pedradas. Uma delas consegue fugir, mas a outra cai no chão. Um homem tenta entrar na briga com uma vassoura, mas desiste.

Milton Mariano de Oliveira, de 28 anos, foi assassinado na porta de casa. Familiares contaram que o verdadeiro alvo seria um sobrinho da vítima, que se envolveu em um homicídio em fevereiro deste ano. Ele chegou a ser abordado pelos autores, mas conseguiu correr para dentro de casa.

Oliveira ouviu o barulho e saiu para ver o que estava acontecendo. Um dos criminosos disparou a arma três vezes. A família já sofria ameaças há algum tempo. No portão há várias marcas de tiros.

A PM não foi acionada para conter a confusão generalizada envolvendo a família da vítima e a mãe do suspeito. Ninguém foi preso

Fonte: Com informações do R7