Mãe contrata assassino e encomenda a morte do próprio filho por R$ 150; vítima levou 30 facadas

Mãe contrata assassino e encomenda a morte do próprio filho por R$ 150; vítima levou 30 facadas

Adolescente foi morto com 30 facadas em Guaxupé porque ameaçava mãe e irmã

Está presa em Guaxupé, no sul de Minas, a mulher acusada de oferecer R$ 150 para matar o próprio filho viciado em drogas. Pablo de Oliveira Santana, 15 anos, foi morto com 30 facadas em um matagal no bairro Colina na última sexta-feira (7).

Cristiane Aparecida de Oliveira, 31 anos, ofereceu o dinheiro a Antônio Célio Máximo, 19 anos, que preparou a emboscada e golpeou a vítima para receber R$ 100. Marcelo Henrique Alves, 19, ajudou a segurar o garoto. Ele receberia R$ 50 pelo crime. A filha de Cristiane de Oliveira, de 16 anos, também sabia sobre a morte do irmão.

Os três foram presos após Marcelo Henrique ter denunciado a morte, provavelmente para tentar criar um álibi, e se contradizer em depoimento. Consta no boletim de ocorrência que Marcelo Henrique saiu primeiro do matagal e, minutos depois, Antônio Máximo apareceu e disse que "já tinha terminado o serviço e ia fugir da cidade".

Segundo a polícia, a mãe teria ordenado o crime porque sofria ameaças do filho, que era viciado em drogas e já tinha sido preso várias vezes.

Fonte: G1