Mãe esfaqueia o seu bebê de sete meses após uma discussão familiar

A avó acordou com o barulho da agressão e levou a neta para a UPA local.

Um bebê de apenas sete meses está internado em estado grave no Hospital Vaz Monteiro, em Lavras no sul do Estado. A criança foi esfaqueada pela própria mãe na madrugada desta quinta-feira (6).

De acordo com a Polícia Militar, o crime ocorreu no bairro Serra Azul. A menina dormia ao lado da cama dos avós quando a mãe, Priscila Greice Quilodran, de 27 anos, a pegou no colo e levou para outro quarto. No cômodo, ela desferiu três facadas contra o bebê, sendo que duas atingiram o peito e outra o intestino da criança, que teve o órgão exposto.

A avó acordou com o barulho da agressão e levou a neta para a UPA local. Ela ainda tentou despistar, alegando que a criança havia sofrido um tombo, mas os profissionais da unidade de saúde acionaram a PM e a mulher contou tudo. Ela relatou que a filha sofre de depressão pós-parto e que ela e o marido é quem tomam conta do bebê.

Um bebê de apenas sete meses está internado em estado grave no Hospital Vaz Monteiro, em Lavras no sul do Estado. A criança foi esfaqueada pela própria mãe na madrugada desta quinta-feira (6).

De acordo com a Polícia Militar, o crime ocorreu no bairro Serra Azul. A menina dormia ao lado da cama dos avós quando a mãe, Priscila Greice Quilodran, de 27 anos, a pegou no colo e levou para outro quarto. No cômodo, ela desferiu três facadas contra o bebê, sendo que duas atingiram o peito e outra o intestino da criança, que teve o órgão exposto.

A avó acordou com o barulho da agressão e levou a neta para a UPA local. Ela ainda tentou despistar, alegando que a criança havia sofrido um tombo, mas os profissionais da unidade de saúde acionaram a PM e a mulher contou tudo. Ela relatou que a filha sofre de depressão pós-parto e que ela e o marido é quem tomam conta do bebê.

Fonte: r7