Manifestante é preso por suposto envolvimento em ataque no Rio

O jovem, identificado como Fábio Raposo Barbosa, de 22 anos

A Polícia Civil informou que deve neste domingo um manifestante suspeito de envolvimento no ataque ao cinegrafista Santiago Andrade com um rojão na última quinta-feira, o que deixou o funcionário da "TV Bandeirantes" em coma.

O jovem, identificado como Fábio Raposo Barbosa, de 22 anos, foi apontado ontem pela Polícia Civil como coautor dos delitos de explosão e tentativa de homicídio qualificado contra Santiago, que estava cobrindo os protestos no centro do Rio de Janeiro quando foi alcançado pela bomba.

No sábado, Fábio admitiu à "TV Globo" que era ele quem estava com o rojão, mas ressaltou que foi outra pessoa quem o atirou e causou o acidente com o cinegrafista.

"Nosso principal objetivo é identificar a pessoa que deflagrou a bomba que acertou Santiago. Nas imagens, ele (Fábio) passa o rojão a quem o deflagrou", disse o delegado da Polícia Civil Maurício Luciano durante uma entrevista coletiva concedida no sábado.

Fonte: Terra, www.terra.com.br