Marido é preso por agredir por ciúmes mulher que atropelou sete

Marido é preso por agredir por ciúmes mulher que atropelou sete

Homem teve crise de ciúmes e tentou bater na mulher após atropelamento

O marido da mulher que atropelou sete pessoas em Santa Mercedes, no interior de São Paulo, foi preso após agredi-la no domingo (26). A agressão aconteceu pouco depois do acidente que deixou uma menina de 9 anos morta na Rua Princesa Isabel. A criança, cuja família mora no município de Guararapes, também no interior, ia para a festa de aniversário de um familiar quando foi atingida pelo veículo desgovernado.

De acordo com a Polícia Civil, o marido, um revendedor de carros, teve uma crise de ciúmes, brigou com a mulher e chegou a agredi-la. A motorista, que havia ingerido bebida alcóolica, pegou o carro e saiu dirigindo em alta velocidade. O marido pegou um outro veículo e começou a persegui-la pelas ruas da cidade.

Ao passar em frente ao local da festa de aniversário, ela perdeu o controle, bateu em dois veículos que estavam estacionados e subiu na calçada. Duas mulheres e cinco crianças foram atingidas. A menina de 9 não resistiu aos ferimentos.

Após o acidente, o revendedor do carro tentou agredir novamente a motorista. Os dois foram presos. A motorista foi submetida ao teste do bafômetro e ficou constatado que ela tinha bebido antes de dirigir. Depois de ser autuada por embriaguez ao volante e homicídio com dolo eventual, ela foi levada ao Presídio Feminino de Tupi Paulista.

O revendedor foi autuado por lesão corporal. Ele tinha passagens por desacato e foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Cauá.

Fonte: G1