Marido é preso suspeito de matar a mulher a facadas em motel

Testemunhas contaram à polícia terem ouvido gritos dentro de um dos quartos do motel.

Policiais da 28ª DP (Campinho) prenderam em flagrante, na tarde desta quarta-feira (25), um homem de 37 anos suspeito de matar a mulher, de 31, a facadas em um motel em Cascadura, no subúrbio do Rio. De acordo com o delegado titular da 28ª DP, Reginaldo Guilherme da Silva, o homem tentou fugir do motel após o crime, mas os seguranças do local conseguiram evitar sua saída e chamaram a polícia.

Testemunhas contaram à polícia terem ouvido gritos dentro de um dos quartos do motel. ?Os seguranças do motel viram quando o homem estava tentando fugir e impediram, chamando a polícia. A delegacia fica perto do local, e quando chegamos lá, o prendemos em flagrante, com a arma do crime?, contou o delegado.

Ainda segundo o delegado, o casal teria reatado recentemente, após se separarem em 2003, época em que a vítima prestou queixa contra o companheiro por agressão na Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam). De acordo com a polícia, contra o homem também havia uma queixa de tentativa de homicídio contra o pai da vítima na Divisão de Homicídios, da mesma época.

Namorada confessa ter matado empresário em Niterói

No dia 16, uma jovem que confessou ter matado o namorado num motel, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio, se entregou à polícia. Verônica Verone, de 18 anos, teve a prisão prorrogada e segue presa Bangu 7.

O laudo pericial do motel, onde o empresário Fábio Gabriel Rodrigues, de 33 anos, foi encontrado morto, não revela sinais visíveis de estrangulamento. O laudo contraria a versão da jovem de 18 anos em depoimento à polícia, que confessou ter enforcado o empresário com um cinto. Verônica alegou que agiu em legítima defesa, após uma tentativa de estupro.

Fonte: g1, www.g1.com.br