Marido esquarteja mulher após descobrir que ela usava Facebook

Homem não permitia que vítima usasse redes sociais

Flávia Maria do Nascimento, de 33 anos, foi assassinada e esquartejada após seu marido descobrir que ela havia feito uma página no Facebook, em Olinda (PE). De acordo com a família da vítima, o homem era muito ciumento e não permitia que a mulher usasse redes sociais.

Casal estava junto há 6 anos (Crédito: Reprodução)
Casal estava junto há 6 anos (Crédito: Reprodução)

O corpo da mulher foi encontrado em uma casa em construção nos fundos da residência onde ela morava com a família.

Segundo vizinhos, a mulher era uma pessoa tranquila e não se envolvia em confusão no bairro. O beco onde o crime aconteceu foi fechado. 

De acordo com a polícia, quando as equipes chegaram ao endereço encontram os sacos fechados e desconfiaram porque havia sangue no local. O crime teria sido praticado pelo companheiro dela, Flávio Machado de Lima, que fugiu.

Os vizinhos disseram que o homem se irritou ao descobrir que a vítima tinha feito uma página no Facebook.

O carro de mão seria usado pelo suspeito para carregar o corpo. Porém, o suspeito fugiu com a filha. A polícia não tem pistas do paradeiro dele. O casal estava junto havia seis anos. Lima ajudava a criar o filho de Flávia, que tem sete anos e sofre de paralisia cerebral.

Fonte: Com informações do R7