Médica cubana é encontrada morta dentro de uma residência

A polícia informou que não havia indícios de violência no corpo.

Nesta quarta-feira, dia 23 de novembro, uma médica cubana identificada como Mabel Guillot Sanchez, de 39 anos, foi encontrada morta dentro de uma residência localizada em no município de Iguatu, no Ceará. O delegado Weslley Alves de Araújo, da Delegacia Regional de Iguatu, informou que o corpo não apresentava marcas de violência.

"No local, não tinha marca de violência física, indício que caracterize crime, sangue, faca. Pedimos urgência para a perícia. Aí vamos saber e foi morte natural, se mal súbito ou algum tipo de violência", afirmou.

A secretaria da Saúde de Iguatu, Vanderlúcia Felipe Lobo, disse que o corpo foi recolhido e passará por exames periciais. Segundo a gestora, o Consulado Geral de Cuba enviou uma autorização ao município para que ocorra a liberação do corpo.

"Como ela estava em missão, os outros médicos são colegas, não teria um representante legal para estar à frente da liberação". contou. 

A médica  estava na cidade há três anos em missão pelo programa Médico Sem Fronteiras e retornaria para Cuba na próxima semana.

 Mabel Guillot Sanchez (Crédito: Reprodução)
Mabel Guillot Sanchez (Crédito: Reprodução)






Fonte: Com informações do G1