Menina de 2 anos interrompe jogo e é sufocada pelo pai

O homem foi preso, mas nega as acusações

Um homem norte-americano do Texas sufocou e matou a própria filha, de apenas dois anos, em um "acesso de fúria", depois que ela interrompeu seu jogo de vídeo game.

De acordo com a polícia, Anthony Michael Sanders, de 31 anos, matou a pequena Ellie Sanders em 12 de dezembro, enquanto a mãe da criança havia saído para visitar uma mostra de arte.

Quando a mãe voltou para casa, por volta das 20:30, Sanders disse que a pequena estava dormindo. No entanto, algumas horas depois, o irmãozinho de cinco anos de idade de Ellie descobriu que sua irmã não estava acordando e estava gelada.

Anthony Michael Sanders, de 31 anos (Crédito: Reprodução)
Anthony Michael Sanders, de 31 anos (Crédito: Reprodução)


Os médicos encontraram hematomas em seu corpo que indicam que a pequena foi agredida até a morte. A criança tinha marcas ao redor dos olhos, sangue atrás de uma orelha e marcas de mordida que podem ter vindo de um adulto.

" Ele é muito envolvido em jogos de computador. Ela pode ter interrompido de alguma forma o jogo dele. Quando ele jogava ficava irreconhecível."  afirmou a mãe da criança.

O homem foi preso, mas nega as acusações.

Fonte: Com informações do R7