Cafetinas presas por "vender" meninas de 13 anos por R$ 80

Vívian Regina Pereira Barros, Lindalva da Costa Silva e Maiara Lins Sousa Freire foram presas pela DPCA

Policiais da Delegacia de Proteção a Criança e Adolescente (DPCA) prenderam na manhã desta terça-feira, 14, três mulheres envolvidas com exploração sexual infantil em Teresina.

Vívian Regina Pereira Barros, Lindalva da Costa Silva e Maiara Lins Sousa Freire foram presas após investigação que iniciou em janeiro. Elas são acusadas de agenciar garotas menores, de até 13 anos, para possíveis clientes. Os programas custavam de R$ 80 a R$ 100. As agenciadoras ficavam com R$ 30.

Segundo a delegada Marcela, as agenciadoras tinham uma vasta lista de clientes, que está em poder da polícia. Políticos e empresários estão entre os que, a partir de agora, serão investigados pela DPCA.

As três acusadas foram levadas para Penitenciária Feminina.

Fonte: Miguel Mendes, TV Meio Norte