Menor é preso após ser flagrado roubando aluno em universidade

ovem de 23 anos reagiu e sofreu um corte no pescoço em Florianópolis.

para estudar, por volta das 7h desta terça-feira (5), reagiu ao assalto e foi sofreu um corte no pescoço. Ela foi socorrida por pedestres e levada para o Hospital Universitário, onde foi medicada e liberada.

O agressor, de 17 anos, usou um canivete para render a vítima. Durante o confronto com a estudante, ele chegou a acertá-la com o canivete no pescoço e tentou golpeá-la outras vezes na cabeça.

O adolescente fugiu com a bolsa da estudante e se escondeu na casa dos pais, no Bairro Carvoeiro, perto do campus da universidade. As imagens do sistema interno de TV permitiram que a equipe responsável pela segurança da UFSC identificassem o adolescente. "Ele já é uma pessoa conhecida, pois atacou uma outra estudante no mesmo local há um mês", disse Leandro Luiz de Oliveira, diretor de segurança da universidade.

De acordo com a Polícia Militar, o jovem foi encontrado três horas após o crime. Os pais teriam tentado escondê-lo sob a cama de um dos quartos. Ele foi levado para a 6ª Delegacia de Polícia para a Mulher, Idoso e Adolescente da capital catarinense, onde permanece recolhido até a tarde desta quinta-feira (7).

Segundo o delegado Alexei Rolemberg, não há vagas nas instituições especiais para jovens infratores na região. Por isso, o garoto pode ficar até 45 dias na carceragem especial para adolescentes, na delegacia, até o surgimento de uma vaga para ele.

A Polícia Civil informou que o adolescente já tem outras passagens policiais por furto e roubo. Os objetos roubados pelo adolescente foram recuperados e devolvidos para a vítima. Ela reconheceu o agressor na delegacia.

Fonte: G1