Menores confessam ter matado colega após sexo a três

Estudante foi morto com pelo menos cinco facadas.

Dois menores, que não podem ser identificados, foram apreendidos acusados de assassinar um estudante, colega deles, a golpes de faca na cidade de Manaus. De acordo com informações da Polícia Civil, que investiga o crime, a vítima, o estudante Edson de Almeida Martins, de 14 anos, se negou a a pagar R$ 10 após fazer sexo com  os dois adolescentes.

O delegado Adriano Félix, que atuou nas operações, informou que os menores foram capturados ainda na terça-feira e acabaram confessando o crime. "Eles estavam cheirando "loló". A mãe do Edson foi lá por volta das 22h. E ele [Edson] mandou os garotos saírem. Quando a mãe dele e o padrasto deixaram o local, os rapazes retornaram. Ele [Edson] foi chamar os menores na esquina e continuaram tendo relações sexuais", afirmou.

Os acusados mantiveram relação sexual com  Edson em uma casa em construção e logo depois um deles pediu que o mesmo desse R$ 10 reais, mas ele não aceitou. "A vítima falou que não tinha dinheiro. Então, um dos adolescentes ameaçou levar o celular e o tablet. Foi quando ele [Edson] reagiu", acrescentou.

O estudante foi morto com pelo menos cinco facadas. Após o crime, a dupla empreendeu fuga, levando consigo o celular e tablet da vítima. 

Adolescentes apreendidos acusados de matar colega (Crédito:  Ive Rylo/G1 AM)
Adolescentes apreendidos acusados de matar colega (Crédito: Ive Rylo/G1 AM)




Fonte: Com informações do G1