Merenda pode ter intoxicado crianças no MT

Todos os pacientes atendidos em Tangará da Serra passam bem.

Cerca de 370 pessoas foram intoxicadas pela bactéria salmonela em Tangará da Serra (MT), na semana passada. A Secretaria de Saúde do município confirmou o problema e suspeita que a contaminação tenha acontecido pela merenda escolar. A maioria dos pacientes tem entre 5 e 10 anos e estuda na rede pública de ensino.

Nesta quinta-feira (5), segundo a Secretaria, todos os pacientes atendidos em Tangará da Serra passam bem.

O secretário da Saúde de Tangará da Serra, Mauro Lemos, disse ao G1 que os alimentos servidos na merenda serão analisados e os resultados devem ficar prontos na próxima quinta-feira (12). Para prevenir o problema, a Secretaria da Saúde está orientando a população sobre maneiras de prevenção.

A salmonela é transmitida por ingestão de alimentos contaminados como carnes, ovos, leite, entre outros.

A Vigilância Sanitária informou que não encontrou irregularidades nos estoques dos colégios. Enquanto os resultados dos exames na merenda não ficam prontos, a Vigilância Sanitária determinou uma mudança no cardápio. Agora, suco e bolacha são servidos aos alunos.

Fonte: g1, www.g1.com.br