Modelo é encontrado morto em cachoeira com tiro na cabeça

Modelo é encontrado morto em cachoeira com tiro na cabeça

Perícia feita no Instituto Médico-Legal (IML) constatou uma perfuração na cabeça do modelo feita por bala.

O modelo Dorian Wayne Meinkohn Johnston, de 20 anos, filho de Jens Peter e Bettina Meinkohn, também modelos, foi encontrado morto no domingo passado ao lado de uma cachoeira num condomínio fechado em Guapimirim, município localizado no pé da Serra dos Órgãos, como informou o site da jornalista Lu Lacerda. Próximo ao corpo foi encontrado um revólver calibre 38. Perícia feita no Instituto Médico-Legal (IML) constatou uma perfuração na cabeça do modelo feita por bala.

A 67ª DP (Guapimirim) está investigando o caso. Em nota, a assessoria de comunicação da Polícia Civil informou que o delegado Alan Luxardo abriu inquérito, e que familiares estão sendo ouvidos. O pai de Dorian deverá prestar depoimento no domingo que vem. Os agentes, segundo a nota, trabalham com a hipótese de suicídio. De acordo com um policial ouvido pelo GLOBO, a possibilidade de crime não está descartada.

O corpo será sepultado às 11h desta quinta-feira no Memorial do Carmo, no Caju. O pai, que mora em Teresópolis, não falava com o filho havia dois dias. Jens Peter saiu à procura dele e achou-o morto ao lado de uma cachoeira que costumava frequentar.

? Ele tinha uma carreira brilhante pela frente. Todo mundo o amava. Uma lástima ? lamentou Jens Peter. ? Fui procurá-lo por causa de um trabalho que ele tinha em São Paulo. Tentei por dois dias. Antes de entrar em pânico, fui até a cachoeira que ele costumava ir e encontrei o corpo. Foi um acidente. Ele caiu e teve uma contusão na cabeça.

Bettina Meinkohn, mãe da vítima, mora na Alemanha e já chegou ao Rio acompanhada do irmão de Dorian, Gillian, de 23 anos. Dorian Wayne, seu nome profissional, era modelo da agência 40º. Sérgio Mattos, dono da empresa, também lamentou a morte do rapaz, que tinha 1,92m.

? Ele era a cara do pai, que considero o homem mais bonito que já vi. Tinha uma carreira internacional intensa e brilhante pela frente. Chegou a trabalhar conosco quando tinha 17 anos. Foi para a Alemanha, onde mora a mãe, outra brilhante e linda modelo. Quando voltou, em dezembro, venho mais encorpado, extremamente bonito. Era um cara legal, tranquilo, amoroso. Fará muita falta a todos ? comentou Sérgio Mattos.

Fonte: O Globo