Morre assaltante esfaqueado por pai de vítima em delegacia

O agressor, um empresário da cidade de 48 anos, foi preso em flagrante e deve ser indiciado por homicídio

Morreu no final da tarde desta terça-feira (13) no Hospital da Cidade, em Passo Fundo, no Norte do Rio Grande do Sul, o suspeito de manter uma mulher como refém durante um roubo de carro na cidade. O homem de 33 anos foi esfaqueado pelo pai da vítima dentro de uma delegacia de polícia.

O agressor, um empresário da cidade de 48 anos, foi preso em flagrante e deve ser indiciado por homicídio. Segundo a Polícia Civil, ele já foi transferido ao Presídio Regional de Passo Fundo, onde ficará à disposição da Justiça.

O caso começou pela manhã, como uma tentativa de assalto. O assaltante, que era detento do regime semiaberto, rendeu a mulher de 27 anos quando ela deixava a filha de 11 anos em uma escola da Vila Rodrigues. Com uma faca, ele teria obrigado a vítima a dirigir o próprio carro, um Chevrolet Vectra GT, até o interior do município.

Na estrada de acesso ao distrito de São Roque, a mulher teria tentado reagir, entrando em confronto com o assaltante. Durante a briga, ela perdeu o controle do veículo, que bateu em um barranco e capotou. Populares testemunharam o acidente ajudaram a mulher e o assaltante a saírem do veículo.

O suspeito fugiu a pé antes da chegada do socorro, mas foi capturado pela Brigada Militar no início da tarde. Já a vítima do assalto foi levada pelos bombeiros para o Hospital da Cidade com um ferimento na mão e algumas escoriações. Ela passou por cirurgia e não corre riscos.

Captura nas imediações do acidente pela Brigada Militar, o suspeito de assalto foi apresentado por volta das 13h na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA). O pai da vítima havia chegado um pouco antes ao local para acompanhar a ocorrência. O ataque ao suspeito ocorreu na sala de triagem da delegacia.

?O suspeito do roubo foi apresentado para ser atuado em flagrante. No momento em que o policial militar estava retirando as algemas dele, o pai da vítima o atacou?, relatou o delegado de plantão, Diego Dezordi.

Conforme o delegado, o homem desferiu um único golpe no peito do suspeito com uma espécie de canivete de aproximadamente 15 centímetros, antes de ser desarmado e imobilizado pelos policiais. O suspeito de assalto foi socorrido e levado ao mesmo hospital onde estava a mulher, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no final da tarde.

Fonte: G1