Motoboy acusado de estuprar e matar cunhada será julgado hoje

Motoboy acusado de estuprar e matar cunhada será julgado hoje

. O julgamento acontece no Fórum da Barra Funda, zona oeste de São Paulo, a partir das 12h30.

Começa a ser julgado nesta terça-feira (23) pela Justiça criminal paulista o motoboy Sandro Dota, acusado pela morte da cunhada, Bianca Ribeiro Consoli, em setembro de 2011. O julgamento acontece no Fórum da Barra Funda, zona oeste de São Paulo, a partir das 12h30.

Além de homicídio triplamente qualificado -- motivo fútil, uso de asfixia e sem chance de defesa à vítima --, o réu também é acusado de ter estuprado a jovem, que à época tinha 19 anos.

A data de hoje foi designada no dia 5 do mês passado pelo juiz Domingos Parra Neto, da 4ª Vara do Júri da Capital.

O crime

À época da investigação, o DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) apontara que, segundo testemunhas, Dota se insinuava para a jovem, mas ela não correspondia a atenção dele.


Motoboy acusado de estuprar e matar cunhada começa a ser julgado hoje

Bianca foi morta na noite de 13 de setembro de 2011, na casa onde vivia com seus pais, na zona leste de São Paulo. Ela foi encontrada com um saco plástico na cabeça e sinais de enforcamento.

A polícia diz que o crime teve motivação sexual --exame realizado em pedaços de pele colhidos sob as unhas da jovem deram resultado positivo para o DNA de Dota.

Durante as investigações, Dota não tinha aceitado fornecer à polícia seu material biológico para fazer a comparação com a pele encontrada sob as unhas de Bianca.

A polícia, no entanto, conseguiu fazer o confronto com o que foi recolhido sob as unhas da jovem a partir do material biológico retirado das roupas que o acusado usara no dia do crime.

Fonte: UOL