Motorista rouba cartão de crédito de patrão que é um juíz e gasta R$ 30 mil

Vítima não checou antecedentes criminais antes de fazer a contratação

Um motorista particular de um juiz é suspeito de ter roubado o cartão de crédito dele e gastado R$ 30 mil em compras em Goiânia, Goiás.

Segundo a Polícia Civil, o próprio juiz contratou o motorista sem olhar os antecedentes criminais. O homem já tinha passagem por outros crimes. O juiz teria pedido um favor ao motorista e deu o cartão com a senha.

Imagens do circuito interno de estabelecimento ajudaram a polícia a esclarecer o crime. Dois irmãos foram presos com o cartão e disseram que receberam do motorista. Os envolvidos gastaram o dinheiro com sons para carros, televisões e computadores.

Fonte: r7