Mulher de apresentador baleada no Rio

Maria Aparecida estava com o marido em um carro na avenida Brasil

Maria Aparecida Bianchini, 62, mulher do apresentador de telejornais da extinta Rede Manchete Antônio Carlos Bianchini, 64, foi baleada numa tentativa de assalto, ontem, no bairro Campo Grande, no Rio.

De acordo com a Polícia Militar, Maria Aparecida estava com o marido em um carro na avenida Brasil, por volta das 14h30, quando foram abordados por dois homens em uma moto e ela levou três tiros --dois no abdômen e um no rosto.

Maria Aparecida foi levada para o hospital Pedro 2º e depois transferida para o hospital Estadual Alberto Schweitzer, onde está no momento, na unidade coronariana. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, o estado de saúde dela apresentou melhoras neste domingo: respira sem ajuda de aparelhos e está lúcida.

A secretaria informou também que a equipe médica do hospital vai fazer uma tomografia na tarde deste domingo para saber onde está alojada a bala que a atingiu o rosto de Maria Aparecida e para avaliar qual será o procedimento a ser adotado. Os médicos retiraram o baço da paciente em uma operação para retirada das balas do abdômen, na manhã deste domingo.

O caso foi registrado na 35ª DP (Campo Grande).

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br