Mulher é baleada por seu companheiro ao invadir sede da Eletrobras

O caso aconteceu na cidade de Parnaíba.

Na noite deste sábado (09), por volta das 22h45, uma mulher identificada apenas como Jaqueline foi alvejada com um tiro de revólver calibre 38 após pular o muro da sede da Eletrobras na avenida São Sebastião, na cidade de Parnaíba.

De acordo com informações, a vítima é companheira do vigilante da empresa que se chama Raimundo. Segundo testemunhas, a mulher chegou no local do trabalho do seu companheiro com xingamentos e chamando o mesmo para a rua dizendo que ia agredi-lo.

Como o convite foi recusado e ele não saiu do seu local de trabalho, a mulher pulou o muro na tentativa de atacá-lo. O vigilante imediatamente atirou na perna de Jaqueline: “Se eu estivesse no meio da rua não ia atirar, mas estou no meu espaço e amparado pela lei”, disse ele em depoimento à polícia.

Uma ambulância do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) se deslocou até o local para atender a vítima que já é conhecida da polícia por provocar baderna e viver sempre alcoolizada. A mulher foi encaminhada até o hospital sentindo muitas dores por ter ficado com a bala alojada na perna.

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Blog do Pessoa