Mulher é presa por guardar droga para traficante para evitar morte de filho

Detida alegou que foi ameaçada por vendedor de drogas

Uma mulher de 35 anos foi presa por esconder drogas em casa no bairro Alto Vera Cruz, na região leste de Belo Horizonte, no final da noite dessa quarta-feira (25). Daniela Aparecida de Oliveira foi detida após ser alvo de denúncia de vizinho.

De acordo com relatos do denunciante aos militares do Rotam (Batalhão de Rondas Táticas Metropolitanas), um traficante conhecido pelo apelido de ?Eider? havia deixado grande quantidade de drogas na residência da mulher.

No imóvel, localizado na rua Leopoldo Gomes, os policiais foram recebidos por Daniela, que, assim que foi informada sobre o conteúdo da denúncia, revelou que, realmente, havia entorpecentes escondidos na sua casa.

Com a ajuda da própria denunciada, os militares revistaram o imóvel e acharam uma caixa embaixo da cama da mulher, onde estavam guardados oito barras de maconha pesando 16 kg ao todo, 200 gramas de cocaína, dois cartuchos calibre. 32, uma balança de precisão e um celular.

Ao ser questionada sobre a procedência do material, Daniela afirmou aos militares que tudo que foi recolhido é do traficante ?Eider?, que teria a obrigado a guardar as drogas para que o filho dela não fosse assassinado. Em seguida, a mulher até passou o celular do vendedor de drogas, mas ele ainda não foi localizado ou detido.

Daniela, que não tinha passagens pela polícia, foi encaminhada à Ceflan (Central de Fragrantes), no bairro Floresta, também na região leste. A versão da presa será investigada pela Polícia Civil.

Fonte: r7