Mulher injeta sedativo em onze bebês no Rio Grande do Sul

O hospital realizou uma série de exames e chegou a desconfiar de contaminação da água e até envenenamento

Uma técnica de enfermagem de 25 anos foi detida, em Canoas (RS), na sexta-feira (13), por suspeita de injetar sedativos em bebês recém-nascidos. Onze crianças foram para a Unidade de Terapia Intensiva de um hospital, entre 5 e 13 de novembro. Segundo a diretora da unidade de saúde, a pediatra Eleonora Gehlen Walcher, elas apresentavam dificuldades para respirar e nove chegaram a precisar de ventilação.

O hospital realizou uma série de exames e chegou a desconfiar de contaminação da água e até envenenamento. O centro obstétrico fechou. O resultado dos testes apontou a presença de sedativos.

Eleonora disse ao G1 que a técnica trabalhava no local havia dois anos e nunca havia apresentado problemas graves. O Conselho Regional de Medicina e a polícia acompanham o caso.

Fonte: g1, www.g1.com.br