Mulher perde parte da visão após ter olhos perfurados por agressor

Mulher perde parte da visão após ter olhos perfurados por agressor

Após passar por cirurgia, ela recuperou visão de um dos olhos, em Goiânia.

A operadora de caixa Mara Rúbia Guimarães, de 27 anos, foi torturada e teve os olhos perfurados, em Goiânia. Para a polícia, a agressão foi cometida pelo ex-marido da vítima, que ainda não foi localizado. Após passar três dias internada no Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), ela recebeu alta médica no domingo (1º). Segundo a prima da vítima, Dayane de Almeira Meri, "ela já está melhor, mas só recuperou a visão de um dos olhos?.

De acordo com os familiares, o casal esteve casado por seis anos, teve um filho, mas se separou há cerca de um ano. Desde então, a mulher, que morava em Corumbá de Goiás, se mudou para a capital. Esta não seria a primeira vez que o homem agride a ex-mulher. ?Ela chegou a registrar boletim de ocorrência quando ele invadiu a casa dela, há três semanas?, afirma a prima.

Na manhã da última quinta-feira (29), de acordo com a família, o homem voltou a invadir a casa da operadora de caixa. No local, o suspeito amarrou a ex-mulher, a amordaçou e a enforcou com um fio de telefone. Em seguida, furou os olhos da vítima com um objeto não identificado. Após ter o primeiro olho perfurado, a mulher teria desmaiado. O agressor fugiu em seguida.

A vítima foi socorrida por vizinhos, que acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (Samu). Ela foi levada ao Hugo, passou por uma cirurgia, mas recuperou a visão de apenas um dos olhos. Segundo a prima da vítima, a mulher vai passar por uma nova cirurgia para reverter a situação.

O caso é apurado pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam). A reportagem do G1 tentou contato com a delegada responsável pela investigação, Ana Elisa Martins, porém ela não retornou às ligações.

Fonte: G1