Mulher vende bilhete de show de Elvis Presley e acaba morta

Ela vendeu os ingressos que davam aos dois a chance de ver o show.

O que era para terminar em festa e muita comemoração, acabou se tornando caso de polícia. Um homem identificado como Paul Abbott, de 56 anos, assassinou a própria esposa Jacqueline, de 54,  que vendeu os ingressos que davam a ambos a chance de ir a um show em tributo a Elvis Presley.

O casal, que residia em Netherton, West Mids, Reino Unido, havia comprado os bilhetes e se preparavam para o grande show. Durante conversa, no entanto, a mulher acabou revelando que não estava mais com os ingressos em mãos. Revoltado, ele a agrediu com um martelo.

Ela sofreu traumatismo craniano, não resistiu e morreu. Paul Abbott, que tinha dois filhos com a vítima, se declarou o autor do crime e aguar julgamento. O juiz responsável pelo caso, John Waite, informou que ele pegará prisão perpétua.







Fonte: Com informações do Gadoo