'Não desejo isso para ninguém', diz acusado de tráfico de drogas

“Maninho” foi preso pela segunda vez acusado de tráfico de drogas.

Policiais da Delegacia Especializada de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre) , prenderam um homem conhecido apenas como “Maninho”, de 27 anos, acusado de comercializar drogas em Teresina. Na residência dele foram encontrados cocaína, celulares e material para preparo dos entorpecentes.

De acordo com o delegado Tales Gomes, da Depre, “Maninho” já vinha sendo monitorado. “Ele vinha sendo monitorado há cerca de dois meses. Ele, que é conhecido no tráfico de drogas no Monte Castelo, nos relatou que passou alguns dias sem vender droga, porque mês passado prendemos o Felipe Padilha, que mora perto dele. Ele, então, ficou com medo da Depre fazer uma visita em sua casa”, afirmou.

Delegado Tales Gomes
Delegado Tales Gomes

Ainda segundo o delegado, o suspeito tentou empreender fuga, mas foi capturado logo em seguida. “Ontem recebeu essas trouxinhas de cocaína e em posse dessas informações e do mandado de busca, fomos até a casa dele. Paramos o veículo, ele escutou o barulho e em seguida colocou o cadeado e tentou fugir. Ele quis evitar a entrada da polícia, mas nós fomos rápidos, quebramos o portão e prendemos ele e apreendemos a droga, além de uma balança de precisão”, explica.

“Maninho” já é reincidente no crime de tráfico de drogas. “Quando a pessoa volta a praticar esse mesmo tipo de crime, a pena é severa”, finalizou o delegado. 

O acusado, durante fala com a reportagem, disse que o crime não compensa. “Eu não desejo isso para ninguém”, declarou ao acrescentar: “Não compensa”.

“Maninho”, de 27 anos, acusado de comercializar drogas
“Maninho”, de 27 anos, acusado de comercializar drogas



Fonte: Portal Meio Norte