No Egito, criança de apenas 3 anos é condenada à prisão perpétua

E na sua opinião, essa condenação resolve ou não? Opinine!

Uma reportagem divulgada pela Rede de TV CNN chamou atenção e repercutiu em vários países mundo afora. Uma criança, de apenas 3 anos de idade, foi condenada à prisão perpétua por ter cometido um crime que teria praticado ainda quando tinha um ano e quatro meses. O caso aconteceu no Egito

De acordo com a reportagem, a criança, que brincava em sua casa quando recebeu voz de prisão, foi confundida com um homem acusado de participar da morte de três pessoas, no ano de 2004. A polícia informou que no total 115 pessoas foram condenadas pelo crime ocorrido durante manifestações contra o governo do país.

A partir de agora, o advogado do menino identificado pelo nome de Ahmed Mansour Qurani Ali, passa a  juntar documentos para provar que o  mesmo, na época do acontecido, tinha apenas um ano e quatro meses. O sistema judicial do Egito já foi, por várias vezes, alvo de duras criticas da ONU.

Entidade considera o sistema injusto e repleto de irregularidades. No momento da prisão, os agentes policiais descobriram que o acusado era, na realidade, praticamente um bebê e acabaram prendendo o pai, que segue detido. O futuro dos dois ainda é incerto. 

Criança possui apenas 3 anos da idade
Criança possui apenas 3 anos da idade




Fonte: Com informações do BrasilPost