Padre abusa de adolescente com deficiência mental em sauna

Homem teria dito que jovem só sairia quando fizesse sexo oral nele

Um padre abusou sexualmente de um menor de idade que é deficiente mental em Caldas Novas, em Goiás. Ele foi pego em flagrante e agora a Polícia Civil investiga o caso.

O abuso aconteceu na sauna de um clube da região. O adolescente que sofreu o abuso tem 15 anos. Apesar da deficiência, o depoimento dele, segundo a polícia, é bastante coerente. Ele conta que estava na sauna e que, em determinado momento, ficou sozinho com o padre Fabiano Santos Gonzaga, de 28 anos.

O padre teria se aproximado, puxado assunto e dito que o adolescente só sairia do lugar depois que fizesse sexo oral nele. O jovem conseguiu sair da sauna e contou para a mãe, que chamou a polícia.

No celular do padre foram encontradas fotos e conversas com conteúdo pornográfico. O padre Fabiano admitiu que esteve com a vítima numa sauna, mas que se afastou ao perceber que ele era deficiente mental. Agora, ele vai responder por estupro de vulnerável.

Image title

Fonte: Com informações do R7