Pai de ex-mulher de Hudson diz que filha morta tinha depressão

A jovem foi encontrada morta em Limeira, interior de São Paulo.

Em depoimento à polícia o pai de Larissa Lopes, ex-mulher do cantor Hudson, afirmou que a filha estava depressiva. Segundo ele, Larissa estaria, inclusive, tomando remédios antidepressivos. A jovem foi encontrada morta em Limeira, interior de São Paulo, dentro da loja do pai, no último dia 12.


Pai de ex-mulher de Hudson diz que filha estava depressiva

Segundo o delegado responsável pela caso, José Henrique Ventura, no dia do fato, pai, mãe, irmão e funcionários da loja estavam no estabelecimento. Ainda de acordo com Ventura, todos relataram em depoimento que Larissa informou que iria ao banheiro, trancou a porta e, na sequência, os tiros foram ouvidos.

? Ela se trancou no banheiro e efetuou dois disparos. Um disparo ela errou e outro transfixou a cabeça dela. O pessoal precisou arrombar a porta para poder socorre-la.

Ainda de acordo com Ventura, o exame residuográfico não pode ser feito porque a mão de Larissa foi manipulada durante o socorro para o hospital. Apesar de ainda aguardar o exame necroscópico e a ficha clínica do atendimento dela no hospital, o delegado não tem dúvida do que ocorreu.

? Pelo que nós temos hoje não há praticamente dúvida em relação ao suicídio.

A polícia também disse que Larissa estava agitada quando chegou ao estabelecimento. Ela havia se envolvido em um pequeno acidente de trânsito.

? Ela chegou nervosa, alterada e falando alto e o pai dela repreendeu.

No estabelecimento do pai não existia câmeras de segurança.

Fonte: R7, www.r7.com