Pai é preso acusado de estuprar a própria filha quando ela tinha 10 anos

O suspetro responderá por estupro de vulnerável e poderá, se condenado, ficar preso entre 8 e 15 anos

Um homem de 32 anos foi preso, depois de se apresentar no Tribunal de Justiça do Rio. Ele é acusado de estuprar a filha, no ano passado. A criança, na época, tinha 10 anos. O suspeito apresentou-se à Justiça horas depois de policiais da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (Dcav) terem estado em sua casa, no Morro de São Carlos, no Estácio, região central do Rio. O acusado tinha a prisão preventiva decretada pela 5ª Vara Criminal da Capital.

O estupro foi descoberto em agosto de 2012, quando os pais da menina a levaram a uma consulta ginecológica. Na época, a médica perguntou se a garota queria o pai saísse da sala e ela respondeu que sim. Durante o exame, a médica constatou que a menina não era mais virgem e a criança acabou revelando o abuso sofrido pelo pai.

A garota foi ouvida na Dcav e, mais uma vez, confirmou o estupro. Ela contou que o pai havia tirado sua roupa à força, enquanto ela dormia num colchão, e manteve relação sexual com ela. Ao terminar, o acusado pediu que não contasse para ninguém e ainda pediu desculpas pelo que tinha feito. A menina disse, ainda, não ter denunciado o crime antes porque ?apesar de tudo, ainda gostava muito do pai.?

O suspetro responderá por estupro de vulnerável e poderá, se condenado, ficar preso entre 8 e 15 anos.

Fonte: Extra