Pai é suspeito de abusar da filha por três anos em SP

A suspeita é de que os estupros tenham começado em janeiro de 2005

O pai de uma adolescente de 14 anos é suspeito de abusar sexualmente da filha desde quando a garota tinha 11 anos. A família mora no município de Capão Bonito, a 231 quilômetros de São Paulo. Para escapar da violência, a menina aceitou trabalhar como empregada doméstica e passou a morar na casa dos patrões, em Sorocaba, a 125 km de casa.

A Delegacia de Defesa da Mulher deve pedir nesta segunda-feira (12) a prisão temporária do pai. O homem, que não teve a identidade revelada, é um pequeno produtor rural e pode ter envolvimento com drogas. A garota fará exames e vai receber atendimento psicológico.

De acordo com ela, o pai dizia que tinha câmeras escondidas e que as imagens da violência sexual seriam vendidas ao exterior. A suspeita é de que os estupros tenham começado em janeiro de 2005 e perduraram até o final do ano passado. A garota diz que sua mãe sabia da violência, mas não denunciava por medo. Uma ex-patroa da mãe da menina soube do caso e denunciou ao Conselho Tutelar de Sorocaba.

No sábado (10), os conselheiros levaram a menina ao plantão da Polícia Civil. Ela contou ao delegado Luís Antonio Lara que o pai a levava para uma área de mata, mas os ataques ocorriam também na casa da família, quando sua mãe não estava.

Fonte: g1, www.g1.com.br