Pai mata filha a chineladas após se irritar com suas brincadeiras

Pai mata filha a chineladas após se irritar com suas brincadeiras

Homem foi preso em flagrante e vai responder por homicídio duplamente qualificado

A menina de um ano e um mês que foi espancada até a morte em Montes Claros, no norte de Minas, teria brincado com o pai, o principal suspeito de ter cometido o crime, antes de ser agredida. Maicon Douglas Duarte Gomes, de 19 anos, bateu na filha com um chinelo de borracha, segundo relatos da mãe, uma adolescente de 15 anos.

De acordo com o delegado Bruno Resende, responsável pelo caso, o pai chamou a atenção da filha após a brincadeira e a menina começou a chorar.

? Ele perdeu a paciência, surtou.

A garota sofreu traumatismo craniano, lesões na costela e diversas escoriações pelo corpo. O casal foi detido no início da manhã dessa segunda-feira (27), pedindo socorro. Eles afirmaram que a criança havia caído da cama.

No hospital, no entanto, a médica que atendeu a menina constatou o óbito e explicou que ela tinha vários ferimentos característicos de maus-tratos. Ao ser confrontada, a mãe do bebê acabou confessando os fatos.

Em depoimento, ela relatou que o homem costumava bater na filha sempre que ela chorava. O jovem, que é usuário de drogas e já foi preso por porte ilegal de arma de fogo, ainda é suspeito de participação em um homicídio na cidade. Ele nega o crime e mantém a versão de que a menina caiu da cama.

Conforme o delegado, o pai da criança foi preso em flagrante e levado para a Penitenciária Regional de Montes Claros. A mãe foi encaminhada ao Ministério Público de Minas Gerais (MPMG).

? A participação dela na agressão não está confirmada, mas mesmo assim ela está à disposição das autoridades.

O rapaz vai responder por homicídio duplamente qualificado, já que o crime foi motivado por razão fútil e a vítima não tinha condições de se defender. Se condenado, ele pode pegar até 30 anos de prisão.

Fonte: r7