Parentes de advogada morta sofrem acidente e alegam perseguição

Parentes de advogada morta sofrem acidente e alegam perseguição

Ainda de acordo com o advogado, os motociclistas estavam armados e Márcio teria tentado fugir

O irmão e a mãe de Mércia Nakashima, Márcio e Janete, sofreram um acidente de carro na noite de domingo em uma estrada de São Paulo. Segundo o advogado da família, Alexandre de Sá Domingues, eles voltavam de uma chácara na região de Piracaia quando foram abordados por duas motocicletas.

Ainda de acordo com o advogado, os motociclistas estavam armados e Márcio teria tentado fugir. O veículo da família caiu em uma ribanceira. Os dois sofreram ferimentos superficiais e Janete teve problemas com a clavícula. Mãe e filho foram para um hospital da região.

Domingues informou que a família faria um boletim de ocorrência. Segundo ele, ainda não se sabe o motivo do ocorrido. "Não se sabe se foi tentativa de assalto. A polícia vai investigar".

A advogada Mércia Nakashima, 28 anos, desapareceu no dia 23 de maio e foi encontrada morta no dia 11 de junho em Nazaré Paulista, no interior de São Paulo. Ela teria sido assassinada pelo ex-namorado e policial aposentado, Mizael Bispo de Souza, que não aceitaria o fim do relacionamento. Rastreamento de chamadas telefônicas feito pela polícia com autorização da Justiça colocariam os dois na cena do crime, de acordo com as investigações. Mizael e o vigia Evandro Bezzerra Silva são considerados pela Polícia Civil os principais suspeitos do crime. Eles negam as acusações. Os dois estão foragidos.

Fonte: Terra, www.terra.com.br