Parentes de pai suspeito de matar os três filhos são expulsos de velório

Familiares da mãe das crianças se revoltaram e polícia precisou ser chamada

A Polícia Militar foi acionada nesta sexta-feira (10) para conter uma confusão durante o velório dos corpos das três crianças assassinadas pelo pai na cidade de Palmas (PR), na última quinta-feira (9). Segundo os agentes, os familiares da mãe das crianças se revoltaram porque os parentes do pai compareceram no local.

A polícia informou que precisou retirar os parentes do suspeito do velório e pediu que eles não participassem da cerimônia. O sepultamento está previsto para ocorrer às 18h no cemitério municipal da cidade e eles também não devem ir.

O homem, de 33 anos, foi preso e confessou o crime. A delegada que investiga o caso, Vera Tapier, informou que ele alegou em depoimento que se desesperou por estar desempregado há muito tempo e não queria mais ver os filhos passando fome. Vera falou ainda que ele apresentava uma confusão mental.

O suspeito saiu de casa por volta das 7h da manhã acompanhado das crianças. Eles iriam para a escola, mas o pai as levou para um matagal, onde cometeu o crime.

O homem tentou cometer suicídio em seguida, mas foi segurado por populares e amarrado até a chegada da polícia. Vanderlei Lima foi agredido e levado para a delegacia.

A polícia informou que os moradores estavam revoltados com os assassinatos e, por medida de segurança, o homem foi levado para uma delegacia de uma cidade vizinha.

Os corpos estavam na beira de uma estrada conhecida como Estrada Velha para Clevelândia. A mãe foi chamada e entrou em estado de choque ao ver os corpos. Ela precisou ser retirada do local pelo Corpo de Bombeiros. Uma tia contou que ele já estava ameaçando as crianças há algum tempo.

Fonte: R7, www.r7.com