Pastor da Assembleia de Deus é preso tentando entrar com lâmina no sapato em Pedrinhas, no MA

Pastor da Assembleia de Deus é preso tentando entrar com lâmina no sapato em Pedrinhas, no MA

Neves foi detido no 12º DP (Distrito Policial), localizado no Distrito Industrial de São Luís, onde prestou depoimento

Um pastor da Assembleia de Deus foi preso com uma lâmina no sapato ao ser revistado dentro do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, nesta terça-feira (14).

Segundo informações da polícia, José Luiz Sousa Neves, conhecido como "pastor Erasmo", foi flagrado com a lâmina na meia dentro do sapato quando tentava entrar para evangelizar os presos de Pedrinhas.

Neves foi detido no 12º DP (Distrito Policial), localizado no Distrito Industrial de São Luís, onde prestou depoimento, assinou um TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência), e foi liberado no início da noite desta terça.

Durante o depoimento prestado na tarde desta terça-feira (14), o pastor Erasmo disse que era inocente. "Eu não sei explicar como essa lâmina foi parar dentro do meu sapato. Fiquei surpreso quando tiraram meu sapato e a "gilete" caiu", defendeu-se.

Mulheres presas

No último sábado (11), duas mulheres foram presas no Complexo Penitenciário de Pedrinhas durante a revista do Batalhão de Choque da PM (Polícia Militar) ao tentar entrar com celulares e drogas escondidos nas partes íntimas.

A segurança do complexo penitenciário foi reforçada, em outubro do ano passado, com homens da Força Nacional de Segurança Pública, que deve ficar no local até 23 de fevereiro.

O Batalhão de Choque da PM também assumiu a segurança do complexo no dia 27 de dezembro, por determinação do governo do Estado.

Fonte: UOL