Pastor é preso suspeito de abusar sexualmente de criança de três anos

A mãe levou o filho ao posto de saúde, onde um médico constatou a existência de lesões no local.

Um pastor de uma igreja evangélica de 62 anos foi preso nesta quarta-feira acusado de abusar sexualmente de um menino de três anos em Mogi das Cruzes, no interior de São Paulo. Segundo a Polícia Civil, o pastor é padrasto da criança, e ficou com o garoto enquanto a mãe foi trabalhar. Ao retornar, a mulher disse que o menino se queixou de dores na região do ânus.

A mãe levou o filho ao posto de saúde, onde um médico constatou a existência de lesões no local. Com base no laudo médico, a polícia prendeu o homem. Ele foi levado à Cadeia Pública de Mogi das Cruzes, mas deve ser transferido para um Centro de Detenção Provisória (CDP).

Segundo a polícia, o pastor estava casado com a mulher há poucos meses. Os investigadores também entraram em contato com outra enteada do homem, que disse que foi criada pelo padrasto até os 12 anos e que nunca observou nenhum comportamento diferente por parte dele.

Fonte: G1