Pedófilo é preso ao se passar por produtor do SBT e cometer abusos

Oswaldo teria enviado fotos íntimas para as vítimas

Um homem, identificado como Oswaldo Marine, foi preso nesta semana ao ser acusado de pedofilia, após ter, supostamente, abusado de menores de idade se passando por contratado do SBT.

Segundo as informações divulgadas pela Record em seus telejornais nesta quinta-feira (14), ele se passava por produtor artístico do SBT para ficar perto das vítimas. Até o momento, dois casos de violência foram confirmados com meninos de 12 e 14 anos. As ocorrências aconteceram em um sítio na cidade de Atibaia, no interior de São Paulo.

A mãe da vítima de 12 anos contou que conheceu o criminoso em uma emissora de TV e, depois, procurou referências sobre o homem, encontrando boas notícias como retorno.

A outra mãe afirma que Oswaldo foi uma indicação de um amigo do filho.Assim, as crianças teriam sido levadas ao sítio para testes de elenco. O comportamento das vítimas mudou após contato com o agressor e, somente depois disso, as mães desconfiaram que havia algo de errado.

Além disso, Oswaldo teria enviado fotos íntimas. A polícia foi acionada e o suspeito foi monitorado até a prisão. Ele confessou os crimes, mas ainda há suspeita de que ele esteja envolvido em outros abusos contra atores mirins.

O caso foi registrado na Delegacia Central de Atibaia, que também irá investigar a ação.O SBT lamentou o fato e informou que "os testes realizados para as seleções de novelas são feitos apenas dentro da emissora pela equipe do departamento de elenco. Algumas agências que trabalham com crianças enviam materiais para que o departamento de elenco possa avaliar e chamar para os testes oficiais, mas o material (fotos e vídeos) não é requisitado pelo SBT e não vale como teste. Portanto, nenhuma agência ou pessoa está autorizada a fazer seleção para as novelas do SBT".

Pedófilo se passava por produtor do SBT (Crédito: Divulgação)
Pedófilo se passava por produtor do SBT (Crédito: Divulgação)


Fonte: Na Telinha