Pela primeira vez após condenação, juiz libera Suzane Richthofen

Condenada a 39 anos de prisão por matar os pais.

Suzane Von Richthofen foi beneficiada pela saída temporária antecipada de Páscoa. Condenada a 39 anos de prisão por matar os pais em 2002, ela vai poder deixar a Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier de Tremembé (SP) nesta sexta-feira (11) a partir das 9h e tem até as 18h de terça-feira (15) para retornar, segundo portais de notícia nacionais.

Autorizada pela Justiça, essa será a primeira vez que Suzane deixa a prisão desde que foi condenada, em 2006. A Vara de Execuções Criminais de Taubaté (SP) havia negado o benefício a Suzane em dezembro, para passar o Natal fora da unidade, conforme a publicação.

Em outubro de 2015 a detenta progrediu para o regime semiaberto, que dá direito a cinco saídas temporárias por ano (Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia das Crianças, além de Natal e Ano Novo). Somente presos que apresentam bom comportamento podem progredir para o regime.


Suzane Von Richthofen  (Crédito: Divulgação )
Suzane Von Richthofen (Crédito: Divulgação )
Fonte: Com informações do MSN