PF prende 2 suspeitos de causar R$ 3 milhões de prejuízo com selos falsos

Durante as buscas realizadas na tarde de hoje, foram apreendidas centenas de milhares de selos falsos, prontos para uso.

A Polícia Federal (PF) prendeu nesta sexta-feira, em Curitiba (PR), duas pessoas vinculadas a uma gráfica responsável por um esquema que causou, segundo a PF, um dos maiores derrames de selos postais falsos em todo o País. Somente nesta semana, foram apreendidas aproximadamente 500 mil correspondências com selos falsos, apresentadas em agências dos Correios prontas para despacho.

Durante as buscas realizadas na tarde de hoje, foram apreendidas centenas de milhares de selos falsos, prontos para uso. De acordo com um levantamento preliminar, a gráfica tem sido responsável pela utilização de aproximadamente 2 milhões de selos falsos por mês, causando prejuízo aos Correios da ordem de R$ 3 milhões, aproximadamente.

Os investigados causaram prejuízo não apenas aos Correios, mas também a diversos cidadãos que deveriam receber boletos de diversas naturezas, como o pagamento de planos de saúde e comunicações oficiais de instituições públicas, serviços obtidos através de contratos e licitações obtidas pela empresa.

As investigações continuam sendo realizadas pela Polícia Federal para a identificação dos demais envolvidos e mapeamento do prejuízo causado aos Correios e vítimas em todo o País.

Os presos responderão pelos crimes de falsificação de selo postal, falsificação de documento público e formação de quadrilha, cujas penas, somadas, podem chegar até 17 anos de reclusão.

Fonte: Terra