PF prende idoso com fotos e vídeos de pedofilia

Prisão ocorreu 7 dias depois da condenação de quatro pedófilos no estado

Um homem de 60 anos foi preso pela Polícia Federal (PF) do Paraná sob suspeita de pedofilia, em Rio Branco do Sul (PR), nesta sexta-feira (14). A investigação chegou ao endereço por meio de uma denúncia anônima.

No local, os policiais encontraram material de pornografia infantil e mais de um milhão de fotos e vídeos de sexo envolvendo crianças.

Segundo a PF, o idoso é solteiro e morava sozinho. Foram apreendidos dois HDs de computadores, onde estavam armazenadas os arquivos com imagens de pedofilia.

Ainda de acordo com a PF, a prisão do idoso ocorreu sete dias depois da condenação de quatro pessoas acusadas pelo Ministério Público Federal (MPF) por crimes de pedofilia.

Segundo nota da 2ª Vara Federal Criminal de Curitiba, dois acusados foram condenados a oito anos, dez meses e vinte dias de reclusão. Um outro acusado recebeu condenação de seis anos e sete meses de reclusão. O quarto acusado, vai cumprir pena de três anos e sete meses de pena de prestação de serviço e a se submeter compulsoriamente a tratamento psicológico ou psiquiátrico.

Em nota, o MPF informou que os acusados produziam e transmitiam pela internet vídeos e fotos de pornografia infanto-juvenil. Três deles teriam mantido relações sexuais com diversas crianças e adolescentes, de 9 a 16 anos. Os encontros com as crianças eram fotogrados e filmados pelos condenados.

A prisão do grupo só foi possível depois do recebimento de um relatório feito pelo Federal Bureau of Investigation (FBI) sobre a ação dos envolvidos no Brasil. Com eles, os policiais federais apreenderam 500 mil arquivos de fotos e vídeos. Os acusados confessaram os crimes e colaboraram com a investigação e identificação de outros pedófilos. Isso permitiu que a pena deles fossem reduzidas.

Fonte: g1, www.g1.com.br