Piauienses são fuzilados pela polícia em tentativa de resgate no MA

O terceiro homem ainda não foi identificado.

Três homens foram mortos na madrugada deste domingo (11/10) em confronto com a Polícia Militar do Maranhão, quando planejavam resgatar detentos do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, que fica na BR-135, em São Luís. O terceiro homem ainda não foi identificado.

O plano do grupo foi interceptado por equipe do Serviço de Inteligência, que de acordo com a Polícia Militar descobriu o endereço em que os homens estavam, em uma casa na Vila Maranhão, próximo ao presídio.

De acordo com o Coronel Terra, que comandou a operação, houve troca de tiros entre a polícia e os três homens, que acabaram mortos.

"Recebemos a informação e diante disso as equipes de Inteligência se mobilizaram. Quando chegaram no local, havia um veículo fazendo a segurança e um elemento começou a trocar tiros com a polícia. Houve o revide e mais dois saíram de dentro do local efetuando disparos. A polícia revidou para se defender. Dois ficaram feridos, foi prestado o socorro aos dois, mas eles vieram a óbito", relatou.

Na casa onde os suspeitos estavam, foram aprendidas duas escopetas de calibre 12, duas pistolas .40, uma submetralhadora 380, 99 munições de calibre 12, 40 munições de .40, oito explosivos, além de um carro com placa clonada do Piauí e celulares, que estavam em poder do trio. A suspeita é de que o resgate tenha sido encomendado por um preso ligado a assalto a bancos.



Image title

Image title

Fonte: Com informações do Campo Maior em Foco