PM de Altos evita golpe do “falso sequestro”; família estava prestes a depositar R$ 5 mil

Eles não sabiam de absolutamente nada”, detalhou o militar.

No início da tarde desta terça-feira (10) uma família que reside no Bairro Tranqueira, em Altos, por muito pouco não foi vítima do "golpe do falso sequestro". Segundo informou a Polícia Militar do município, os pais de uma jovem já estavam prestes a depositar R$ 5.000 na conta de um homem, que teria agido através de uma ligação telefônica.

“Em tom de ameaça, o meliante ainda chegou a colocar uma mulher na linha como se estivesse chorando desesperadamente”, explicou o Sargento Paulo, chefe da guarnição que atendeu a ocorrência.

A polícia conseguiu agir rapidamente e localizar a suposta vítima, evitando, assim, que a família depositasse o valor exigido. “A jovem estava em casa, acompanhada do esposo e dos filhos. Eles não sabiam de absolutamente nada”, detalhou o militar.

Idoso de 75 anos foi vítima do golpe

Não é a primeira vez que este tipo de crime acontece no município. Em outubro do ano passado um idoso de aproximadamente 75 anos, identificado por João Barbosa, morador do Bairro São Luís, em Altos, caiu no golpe do falso sequestro. O crime de extorsão resultou em um prejuízo de R$ 2.000,00.

Seu João Barbosa contou que recebeu uma ligação dizendo que seu filho teria sido sequestrado e que seria necessário um valor de R$ 2 mil de resgate para que fosse liberado. Após ameaças, o idoso ainda tentou entrar em contato com o filho, mas não obteve êxito.

Bastante nervoso, seu João João acreditou no sequestrado e fez os depósitos.

O dinheiro foi creditado nas contas de Silvana Jesse Bezerra e Taisa Regis, na Caixa Econômica Federal.

Instantes depois o idoso conseguiu falar com o filho, quando se deu conta que tinha caído no golpe do falso sequestro.

Fonte: Portal Altos