14 "justiceiros" são detidos por espancar menor

Os jovens estavam ameaçando-os de agressão, alegando que queriam fazer “justiça com as próprias mãos”.

Quatorze suspeitos - 12 maiores de idade e dois menores - de integrarem o grupo ?Justiceiros? foram presos, no início da madrugada desta terça-feira, por policiais militares do 2º BPM (Botafogo). Eles estavam na pista de skate do Parque do Flamengo, naquele bairro da Zona Sul do Rio, e foram denunciados por dois moradores de rua. Segundo eles contaram aos PMs, os jovens estavam ameaçando-os de agressão, alegando que queriam fazer ?justiça com as próprias mãos?.


PM detém 14 suspeitos de integrarem grupo ?Justiceiros?; eles teriam espancado adolescente no Flamengo

Todos os detidos foram levados para a 9ª DP (Catete). Os maiores foram autuados por formação de quadrilha e corrupção de menores. Já os menores responderão por fato análogo a formação de quadrilha. Todos foram liberados depois de pagarem fiança.

O grupo ?Justiceiros? é suspeito de espancar e prender a um poste com uma trava de bicicleta um adolescente de 15 anos. O menor teve parte da orelha arrancada. O fato aconteceu na Avenida Rui Barbosa, no Flamengo, na madrugada desta sexta-feira. O caso tornou-se conhecido depois de ser denunciado pela artista plástica Yvonne Bezerra de Melo - fundadora do projeto Uerê, que atende crianças e adolescente carentes no Complexo da Maré, na Zona Norte da cidade. Yvonne postou no Facebook uma foto do adolescente logo após a agressão.

Segundo informações da Polícia Civil, o adolescente espancado já foi identificado. Ele tem três anotações por roubo e furto em sua ficha policial.

Fonte: Extra