Policial é suspeito de matar a tiros a mulher e a filha de 12 anos

o cabo Marco Antônio Alves Lima, 44 anos, suspeito de matar a tiros a mulher e uma filha, de 12 anos, e ainda ferir a mais velha, de 16

Policiais militares de Minas Gerais estão à procura, nesta segunda-feira, do cabo Marco Antônio Alves Lima, 44 anos, suspeito de matar a tiros a mulher e uma filha, de 12 anos, e ainda ferir a mais velha, de 16 anos. O crime aconteceu na tarde de domingo na casa da família, no bairro Granjas Primavera em Ribeirão das Neves, região metropolitana de Belo Horizonte.

A menina que sobreviveu está internada no hospital de Pronto-Socorro Risoleta Neves, na região norte de BH. O hospital não informou o estado de saúde dela. Segundo o boletim de ocorrência registrado pela PM, o crime teria acontecido após uma discussão do casal.

Idzel Fagundes, comandante do 34º Batalhão de Polícia Militar, onde Lima é lotado há sete anos, disse que o militar "tinha conduta exemplar e nunca havia se envolvido em qualquer confusão". O cabo trabalhava em serviços administrativos e deveria ter se apresentado para o trabalho nesta manhã.

O comandante informou que os dias faltados serão incluídos como faltas graves na ficha do militar até que sejam completados oito dias, "quando ele será considerado desertor". A arma possivelmente usada no assassinato e na tentativa de morte da filha seria do próprio militar.

Fonte: Terra