PM registra prisão por arma de fogo no período eleitoral em Jatobá

Homem é preso com arma de fogo, quando seguia para Jatobá

Policiais que reforçam a segurança da eleição municipal na cidade de Jatobá do Piauí (134 km ao norte de Teresina), depois que o prefeito Dalberto Rocha foi agredido, mantido em cárcere sob a mira de uma faca e ameaçada de morte, prenderam um homem por ilegal de arma de fogo.

A equipe de policiais militares, comandada pelo Capitão Frazão, fazia uma blitz na rodovia PI-320, entre os povoados Bananeira e Tucuns, vistoriando todo carro que passava. Em um deles, a polícia encontrou um revólver em poder de Paulo Celestino da silva, de 38 anos.

A polícia informou que o homem seguia de Campo Maior com destino a Jatobá do Piauí, mas Paulo não informou a origem da arma e nem se pretendia usá-la em alguma ação. O homem foi transferido para a Delegacia Regional de Campo Maior e, como o crime é afiançável, se pagar será liberado ainda nesta sexta-feira.

Image title

Image title

Image title

Fonte: Campo Maior em Foco