Polícia ainda não tem pistas do assassino de jovem em fazenda no interior do PI

Polícia ainda não tem pistas do assassino de jovem em fazenda no interior do PI

O perito relatou na época do crime, que o jovem foi executado sentado sobre os seus calçados

No ultimo dia 20, completou quatro meses do bárbaro assassinato de um jovem identificado por Alexsandro Alves da Costa, 33 anos, que residia na Rua Embaixador Aloísio Napoleão, Bairro de Fátima. O homicídio foi praticado próximo à Fazenda São Fernandes, às margens da PI-366, na saída de José de Freitas para a cidade de Lagoa Alegre. No dia do crime, por volta das 6h30min, um dos proprietários da referida fazenda informou que ao chegar ao campo agrícola, percebeu uma bicicleta encostada em uma cerca de arame, e próximo, um corpo de uma pessoa já sem vida, identificada pela polícia pelo nome de Alexsandro.

De acordo com informações repassadas pela senhora Consuelo Maria Alves de Araújo, mãe da vítima, ele saiu de casa no horário de 17 horas da ultima sexta-feira (17), e não mais retornou para sua residência. A dona de casa ficou em estado de choque após fazer o reconhecimento do corpo do filho.

Um perito que examinou a vitima informou que o homem foi alvejado com um único tiro disparado a queima roupa, atingindo a parte frontal da cabeça, provocando a morte instantânea da vítima.

O perito relatou na época do crime, que o jovem foi executado sentado sobre os seus calçados, e no local, não houve sinais de luta corporal. O crime está na impunidade, a polícia não tem pistas que levem os acusados a serem julgados.

Fonte: JF Agora