Polícia ainda não tem pistas sobre quem matou jovens após jogo no RN

Polícia ainda não tem pistas sobre quem matou jovens após jogo no RN

Delegado Odilon Teodósio diz que Polícia Civil apura relação entre crimes. Flávio Augusto Leandro e Ismael Aprígio Teixeira morreram na sexta (15).

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte ainda não tem pistas sobre quem matou dois jovens e atirou contra outros cinco na sexta-feira (15) após a partida entre ABC e Asa de Alagoas, em Natal. Os jovens foram atingidos em dois crimes. Flávio Augusto da Costa Leandro, de 17 anos, morreu após ser baleado em Neópolis, na zona Sul. Ismael Aprígio Teixeira, 18, foi assasinado no loteamento José Sarney, na zona Norte.

Segundo o delegado Odilon Teodósio dos Santos Filho, diretor de Polícia da Grande Natal (DPGran), os policiais apuram se há relação entre os crimes. "Já na sexta (15) iniciamos a investigação. Mas ainda não temos uma resposta. Estamos apurando se há relação entre os crimes. Se houver, vamos designar um delegado especial para comandar o inquérito policial", antecipou em entrevista ao G1 na tarde deste domingo (17).

Odilon Teodósio disse que nesta segunda (18) a polícia deverá apurar se há imagens de câmeras de segurança que possam ter filmado os crimes e que possam auxiliar nas investigações. "Vamos checar, também, se essas mortes têm envolvimento de torcidas organizadas", concluiu.

De acordo com a Polícia Militar, Flávio Augusto da Costa Leandro foi atingido por tiros quando caminhava pela marginal da BR-101, próximo ao viaduto de Ponta Negra, acompanhado do irmão de 19 anos e um amigo não identificado quando um carro preto se aproximou e começou a disparar contra eles. Os três foram atingidos e socorridos ao pronto-socorro Clóvis Sarinho, mas Flávio Augusto não resistiu aos ferimentos e morreu.

Ainda segundo informações da Polícia Militar, os três vestiam camisetas da torcida organizada do ABC. O carro de onde partiram os disparos não foi identificado.

A segunda morte aconteceu no loteamento José Sarney, na zona Norte de Natal. De acordo com a PM, quatro jovens que também voltavam do jogo do ABC e também vestiam camisetas do time, foram surpreendidos por disparos de arma de fogo na avenida Apucarana. Todos foram levados para o Hospital Santa Catarina, mas Ismael Aprígio Teixeira, 18, não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade hospitalar.

Fonte: G1